lunes, 2 de febrero de 2009

Errata

Sei que neste espaço está registrada a promessa de escrever sobre o fim de minha viagem. Desculpe-me. Quem prometeu não fui eu, mas aquele editor-chefe que há dentro de mim. Num ato autoritário e de extrema força bruta, decidiu, por si só, que eu tinha de fazer o que ele queria. Sacana! Ignorou, com inigualável desprezo, qualquer outra decisão que porventura fosse tomada. Ora, quem essezinho pensa que é? Só o fato de hospedar-se em meu corpo não lhe confere a importância do tamanho de um transatlântico. Ele passou dos limites, nunca havia sido tão petulante. Ah, você não imagina o quanto ele me incomodou! Ditadorzinho asqueroso! O desgraçado me acordava, perturbava meu sono para lembrar-me que eu tinha que cumprir a promessa que ele(!) havia feito. Mas, como disse aquele conhecido torcedor de olhos azuis do Fluminense, mesmo calada a boca, resta o peito. Agora dou o troco, sou o coringa do baralho. Rio, sacaneio, saio pelado na rua, bebo a chuva e gargalho com infantil e louca satisfação por tê-lo mandado à merda.


Belo Horizonte
02/02/2009

4 comentarios:

mpimenta dijo...

Seu aniversário está chegando, querido. E aí, onde vamos comemorar? Gostaria de ver escrito aqui sobre o fim de sua viagem. Acho que eu sou um pouco como o seu editor-chefe ditador, hehehehhehe! Mas se não quiser contar por aqui, me conte pessoalmente.

Beijos

Gustavo Rodrigues S. Dias dijo...

SALVE A DITADURA.
SEM MAIS.

Cuidado com o que escreves, meu caro, cuidado que a "Cuca" vem lhe pegar!

hhahha...Odeio eufenismos que esses carinhas usavam. Basta. Ordem é ordem! hahhah

João Cleido Júnior. dijo...

PARABÉNS! MUITOS ANOS DE VIDA! SAÚDE E PAZ SEMPRE! GRANDE ABRAÇO!

Maíra Vasconcelos dijo...

hiehiehiehie.....
gostei !!
beijos